Grafologia

Uma técnica de Avaliação da Personalidade - por meio da escrita - a qual me dedico
desde 1990.

No mundo, desde a sua descoberta e no decorrer do tempo, a história é vasta.
Aqui, permito-me fazer um agradecimento à Augusto Vels, pois foi através de seus livros que iniciei e dei base ao meu conhecimento ao longo dos anos.

Alguns nomes do início da história da grafologia no Mundo: Camillo Baldo, Jean-Hippolyte Michon, Crépieux-Jamin, Saint-Morand, Ania Teillard, Ludwig Klages, Max Pulver, Girolamo Moretti, Matilde Ras, Mauricio Xandró, Augusto Vels.
Estas Personalidades promoveram estudo e conhecimento, e através delas recebemos influências que tornam viva a Grafologia para e entre todos.

No Brasil; a história começa com José de Aguiar Costa Pinto - em 1900 (foto no site da Sobrag: www.sobrag.com.br). Vai adiante também com Bettina Katzenstein Schoenfeldt, Frederico Cosin, Rose Mehlich, Cacilda Cubas dos Santos, Agostinho Minicucci, dentre outros respeitosos nomes.

Em especial, meus agradecimentos à Odette Serpa Loevy, uma Alma Generosa, de inteligência admirável; quem detinha e transmitia amplo conhecimento sobre a Grafologia.

Até os dias atuais, podemos encontrar igualmente profissionais bem qualificados que dedicam conhecimento e atuação, também na Sobrag.

Sobrag; criada em 1979, tem sua história descrita carinhosamente por Erwin André Leibl, no Anuário de Grafologia 2006 - Sobrag. Informações: www.sobrag.com.br

Em 28 de Setembro de 2005 temos o registro da reinauguração da Sociedade Brasileira de Grafologia, que sob a Presidência de Da. Maria Irene Lena dos Santos, autoriza a formação de Comissões de Trabalho, reconhece oficialmente alguns Grafólogos e também Grafólogos Professores da Sobrag. Empenha-se para a Regulamentação de nossa Profissão.

Nas empresas
A Grafologia é muito utilizada nas empresas, para admissão de profissionais na área de Seleção de Pessoal, para Avaliação de Potencial e Direcionamento de Área; em Desenvolvimento de Recursos Humanos e também no levantamento de necessidades para treinamentos específicos.

Para autoconhecimento
No âmbito pessoal, pode-se utilizar a Grafologia, para autoconhecimento, que, como instrumento em situação de feedback promove o desenvolvimento do ser humano, a orientação e/ou o redirecionamento de carreira.

O Grafólogo
O grafólogo, com ética e seriedade como deve tratar o seu trabalho, somente deve desenvolver Perfis Grafológicos com o perfeito domínio da técnica e com profundo conhecimento, pois, sobretudo, avalia um ser humano, auxilia em decisões importantes e conseqüentemente pode "definir" uma trajetória.

Quero dizer que um Perfil Grafológico é de extrema responsabilidade do profissional, que deve respeito à pessoa que está sendo avaliada através desta técnica.

Diz o Mestre, Paulo Sérgio de Camargo, nosso parceiro na Enfoque:
" ... a cada análise redobramos nosso respeito pelo outro, por sua escrita".

As vantagens para a empresa
Técnica fácil de aplicar e que em muitos casos alivia a situação de tensão, pela situação de avaliação, pois como se desenvolve através de uma simples redação, a que todos desde a época escolar já estão familiarizados. O investimento é acessível, muito menos do que um erro na contratação ou no direcionamento equivocado de área e de função de um funcionário. É um grande auxílio nas decisões.

O Perfil Grafológico
O Perfil Grafológico é ajustado para o cliente e mediante as características do cargo. É possível - através da análise da grafia - apresentar no perfil: forma de elaboração intelectual, como se orienta para os resultados (canalização da energia e rendimento), gestão, administração de recursos e do trabalho, criatividade, decisão, liderança, comunicação, negociação, trabalho em equipe, ambição, auto-imagem, maturidade emocional, relacionamento, entre outras.
Salienta-se pontos fortes e a serem desenvolvidos na função (treinamentos específicos).

Homenagens
- A Paulo Sérgio de Camargo, um "Mestre", estudioso incansável. Não conheço ninguém mais disponível para ensinar e propagar conhecimento. A Grafologia está na sua alma. Parceiro; ético e responsável, da Enfoque RH desde o início de 2005. www.grafo.nauta.nom.br

- A Luísa Gubitosi de Medeiros, Grafóloga competente, que atua com seriedade; grande companheira de trabalho na Comissão de Anuário e Artigos da Sobrag. www.luisamedeiros.com.br

- A Dóris Vivian Meyer, Grafóloga Trilíngüe (Alemão, Francês e Inglês) hábil nas traduções de textos e livros específicos de Grafologia. É integrante da Comissão de Comunicação da Sobrag, para Comunicação Internacional.
E-mail: dvmeyer@terra.com.br


Clique para aumentar
Solicite um exemplar: sobrag@sobrag.com.br

Por: Cristianne Cestaro Valladares
Email: cristianne@enfoquerh.com.br


 

                                        R. Dr. Tirso Martins, 100 Sala 201 | V.Mariana - São Paulo/SP - Fone/Fax: 11. 5539. 3300 | TIM 11. 8442-0040